»Geral - Panambi News

Identificado homem morto em confronto com a BM após ataque a banco no noroeste do RS

Foi identificado como Izaquiel Gonçalves Souza o homem morto em confronto com policiais, no domingo (28), durante cerco aos criminosos que atacaram uma agência do Banco do Brasil em Porto Xavier, no noroeste do Estado, na última quarta-feira (24).

Souza, com idade de 52 anos, teria tentado furar o cerco policial e morreu na troca de tiros com as forças de segurança em Linha 1º de Março, no limite entre Porto Lucena e Campina das Missões. Com ele, um fuzil foi apreendido.

Conforme a Polícia Civil, o homem já havia sido preso, em agosto de 2013, por envolvimento em outro ataque a banco. Na ocasião, ele foi detido pela Polícia Federal no pedágio de Charqueadas com uma submetralhadora nove milímetros, uma espingarda calibre 12, três pistolas nove milímetros, mais de 300 munições, 2,5 quilos de explosivos, coletes balísticos e rádios comunicadores.

Policial entre os suspeitos

Três suspeitos de envolvimento no ataque a banco foram presos durante o fim de semana. Entre os detidos está um policial militar aposentado, identificado como Delci Engers, 59 anos.

Segundo a polícia, o sítio do sargento da reserva teria sido usado no planejamento do crime e também como esconderijo do grupo antes do ataque. Ainda conforme a Polícia Civil, Engers também teria prestado apoio logístico e feito o levantamento do local do assalto.

Ataque a banco em Porto Xavier

Na tarde da última quarta-feira (24) criminosos atacaram uma agência do Banco do Brasil em Porto Xavier, no noroeste do Estado. Os ladrões chegaram atirando contra os vidros da agência bancária. Em seguida, alguns deles obrigaram moradores a formar um cordão humano, enquanto outros seguiam em direção ao cofre e aos caixas.

Policiais ouviram os disparos e foram até o local. Quando chegaram, foram recebidos a tiros.Os assaltantes fugiram em dois veículos levando três reféns, que foram liberados em seguida, na saída da cidade. Ninguém ficou ferido. Iniciaram-se as buscas aos criminosos. 

Os assaltantes conseguiram fugir para um matagal no interior de Campina das Missões. Por volta de 3h30min, o grupo teria tentado sair da mata e encontrou o cerco policial. Os bandidos portavam fuzis e atiraram contra os PMs. O soldado da Brigada Militar Fabiano Heck Lunkes, 34 anos, foi atingido por um disparo na região do tórax e morreu durante atendimento médico.

 

Fonte: GaúchaZH

Matéria publicacada em 29/04/2019
COMPARTILHE ESTA PÁGINA
» Arquivo de Notícias
O panambinews.com é totalmente contrário a prática de cópias não autorizadas de conteúdo, matérias e fotos ( violação de direitos autorais ) e também não autoriza a reprodução de seu conteúdo em outros sites, portais ou ainda em mídia impressa, a não ser sob autorização escrita e certificada. Podendo apenas compartilhar nas redes socias preservando as informações, links e créditos originais.