»Geral - Panambi News

Com dois de André, Grêmio goleia o Libertad no Paraguai e avança às quartas da Libertadores

..Norberto Duarte / AFP
..Norberto Duarte / AFP

O Grêmio ignorou a vantagem de 2 a 0 construída na Arena na semana passada e jogou no Defensores del Chaco na noite desta quinta-feira (1º) como se precisasse vencer o Libertad para avançar para as quartas de final da Libertadores. Com grande superioridade, o Tricolor atropelou o time paraguaio, construiu uma goleada por 3 a 0 ainda no primeiro tempo e confirmou a classificação para enfrentar o Palmeiras na próxima fase.

A vitória desta noite foi a 100ª do Grêmio na Libertadores. O Tricolor é o clube brasileiro que mais venceu na história do principal torneio do continente. Jean Pyerre, de pênalti, e André, duas vezes, construíram o placar ainda no primeiro tempo da partida em Assunção.

Nas quartas de final, o Grêmio vai reencontrar um rival histórico: o Palmeiras. O Tricolor reviverá diante dos paulistas um confronto que marcou a torcida gremista nos anos 1990. Por ter feito uma campanha melhor na fase de grupos, o Alviverde vai decidir o mata-mata em sua casa.

A Conmebol ainda vai anunciar as datas e horários da próxima fase. A partida de ida, na Arena do Grêmio, será em 20, 21 ou 22 de agosto. A volta, em São Paulo, na semana seguinte, em 27, 28 ou 29. A ordem dos jogos vai ser a mesma do histórico confronto da Libertadores de 1995, também nas quartas de final, quando o Tricolor fez 5 a 0 no Olímpico e avançou rumo ao bi da América mesmo sofrendo uma goleada de 5 a 1 no antigo Parque Antártica.

CONFIRA A TABELA DA LIBERTADORES

O Grêmio iniciou o jogo no Defensores del Chaco em busca do gol. Everton mais uma vez foi um pesadelo para o lateral-direito Iván Piris. Logo aos 3 minutos, ele deu uma meia-lua no paraguaio e avançou até chutar e conseguir o escanteio. Na cobrança do tiro de canto, o camisa 11 finalizou e a bola bateu no braço de Piris. O árbitro peruano Victor Carrillo não teve dúvida e marcou o pênalti.

O garoto Jean Pyerre assumiu a responsabilidade de fazer a cobrança e correspondeu. O camisa 21 deixou o goleiro Martín Silva cair para um lado e bateu no outro para abrir o placar em Assunção. O 1 a 0 obrigava o Libertad a fazer quatro gols para conseguir a classificação.

O time paraguaio lutou e tentou oferecer resistência ao Grêmio. Com Antonio Bareiro e Iván Franco envolventes pelo lado do campo e Oscar Cardozo sendo a referência no ataque, o Libertad fez uma pressão logo após o gol tricolor, mas não conseguiu o empate. Na melhor oportunidade, um cabeceio de Cardozo, Paulo Victor fez a defesa para manter o 1 a 0.

A vantagem gremista ficou maior aos 20 minutos. O contestado centroavante André aproveitou o corte parcial de Iván Piris na disputa com Everton e bateu de perna esquerda para vencer Martín Silva e quebrar o retrospecto de quase três meses sem balançar as redes — não marcava desde a derrota de 5 a 4 para o Fluminense, pelo Brasileiro, em 5 de maio.

O segundo gol acabou com qualquer reação do Libertad. Batidos, os paraguaios viram o placar virar goleada antes do intervalo. Novamente a defesa do time mandante se atrapalhou na tentativa de um corte e a bola sobrou limpa para André. Sem o peso do jejum de gols, o centroavante teve tranquilidade para driblar Martín Silva e mandar para o fundo do gol. O Grêmio transformava o placar em goleada ainda no primeiro tempo.

Com a classificação garantida, o técnico Renato Portaluppi passou a pensar na sequência de decisões que o Tricolor terá pela frente em Copa do Brasil e Libertadores. O capitão Maicon foi substituído ainda no intervalo por Thaciano. Aos 14 do segundo tempo foi a vez de Everton ser preservado para entrada de Diego Tardelli.

O Grêmio reduziu seu ritmo na etapa final enquanto o Libertad não mostrou força para uma reação. Faltando 20 minutos para o final da partida, Renato fez a última troca. O artilheiro da noite André saiu aplaudido para a entrada de Luan. Classificado na Libertadores, o Tricolor voltará a campo na próxima segunda-feira (5), às 20h, para enfrentar a Chapecoense, na Arena, pelo Brasileirão.

Libertadores — Oitavas de final (volta) — 1°/8/2019 GaúchaZH.com

Matéria publicacada em 02/08/2019
COMPARTILHE ESTA PÁGINA
» Arquivo de Notícias
O panambinews.com é totalmente contrário a prática de cópias não autorizadas de conteúdo, matérias e fotos ( violação de direitos autorais ) e também não autoriza a reprodução de seu conteúdo em outros sites, portais ou ainda em mídia impressa, a não ser sob autorização escrita e certificada. Podendo apenas compartilhar nas redes socias preservando as informações, links e créditos originais.