»Geral - Panambi News

Vereador Gustavo Cavalheiro preocupado com a falta de manutenção do prédio Rudi A. Franke

VEREADOR GUSTAVO CAVALHEIRO ESTA PREOCUPADO COM A FALTA DE MANUTENÇÃO DO PRÉDIO RUDI ARNOLDO FRANKE IMOVEL TOMBADO COMO PATRIMONIO HISTORICO DO MUNICIPIO

Todo o Município tem uma história. Iniciando com a sua fundação. E exitem muitas formas de contá-la. Essa história esta presente na cultura de seu povo, nos ciclos de seu desenvolvimento, nas obras ilustres e também nas edificações, e memórias visíveis da evolução urbana, por isso é importantíssimo preservar exemplares de arte, arquitetura, ou ainda salvaguardar as paisagens naturais que constituem ações significativas para a integração desses elementos à história. Assim, eles podem cumprir a função social, contando o que aconteceu no desenvolvimento humano em cada época e o tombamento de um imóvel é realizado quando pessoas decidem pela sua transformação num patrimônio histórico. Porém, tombar é só um dos itens necessários para preservar este patrimônio, pois a responsabilidade do poder púbico vai muito além, é necessário que se busque políticas públicas de preservação e de uso do imóvel, para evitar que venha se deteriorar com o passar do tempo, segundo o Vereador Gustavo Cavalheiro. Uma Política de preservação do patrimônio pode ser um conjunto de ações, de modo que o Município pode buscar parceria privada a fim de albergar interesses mais abrangentes, relacionados a fatores históricos, artísticos, culturais, científicos, turísticos e paisagísticos, evitando, assim, que num futuro próximo haja a necessidade de realização de restauro, pois este é um procedimento bem mais oneroso que a conservação propriamente dita. Não basta retirar do prédio algumas atividades, pois já foi constatado que é sempre pior para o patrimônio histórico permanecer fechado ou com pouco uso; a melhor opção é sempre manter atividades em todas as dependências, - complementou o vereador. E, neste caso, falando especificamente do Prédio Rudi Arnoldo Franke, que foi construído nos anos de 1965 a 1968 para abrigar a Prefeitura Municipal de Panambi e apresenta vários sinais de falta de manutenção e conservação: infiltrações de água da chuva, pássaros que invadem o arquivo e colocam em risco documentos importantes e antigos que ali estão armazenados, entre outros. Assim, com o objetivo de buscar uma solução, Gustavo, apresentou ao plenário legislativo um pedido de informações para que o Executivo Municipal informe: 1 - Quem são os representantes que compõe a Comissão de Conservação e Autorização dos Serviços de Manutenção, do patrimônio histórico e arquitetônico do Município de Panambi o Edifício Rudi Arnoldo Franke, criada pela Lei Municipal 2.447/2005 de 24 de novembro de 2005? 2 - Quantas Vezes esta Comissão se reuniu desde o ano de 2017 até a presente data? Anexar cópia das Atas destas reuniões. 3 - Quais são as medidas que a administração municipal esta tomando para sanar os vários problemas existentes no prédio, que vem ocorrendo por falta de manutenção, visando a conservação do Patrimônio? Gustavo solicitou ainda para que com base e atendimento ao disposto no artigo 11 da Lei Federal 12.527, que se proceda o envio das informações solicitadas de forma imediata. Cuidar o Prédio Rudi Arnoldo Franke, por meio de ações de preservação é resgatar e conscientizar a sociedade, da importância da identidade cultural, e pode ser também uma estratégia de marketing para a divulgação do Município como mais um ponto para fortalecer o turismo, “conclui o vereador Gustavo Cavalheiro”. A matéria foi aprovada e encaminhada para o Poder Executivo.


CASA FESTAS E EMBALAGENS FOI HOMENAGEADA NA CAMARA MUNICIPAL ATRAVÉS DE MOÇÃO APRESENTADA PELO VEREADOR GUSTAVO CAVALHEIRO

Na Justificativa da Moção o Vereador Gustavo Cavalheiro disse “Algo que nos deixa muito feliz e satisfeito é quando um novo comércio reinaugura em Panambi. Sim, porque, alem de inovar é sempre uma nova porta de emprego e renda, visto que este estabelecimento vai gerar receitas para o Município e, neste caso especifico, a Casa das Embalagens, com cinco anos de história em Panambi, agora sob nova direção, e nova Razão Social, a Casa Festas e Embalagens reabriu suas portas no ultimo dia dia 27 de julho”, cumprimentando, através da matéria apresentada, a Sra. Vanessa Gelatti, gerente proprietária deste empreendimento, extensivamente aos demais sócios que de forma muito competente e profissional planejaram tudo com muito carinho, requinte e sofisticação para proporcionar aos clientes um espaço aconchegante e atendimento diferenciado, para Panambi e toda região. Gustavo disse também que, “muitas pessoas têm sonhos, mas para coloca-los em prática é preciso ter coragem, compromisso e dedicação”. Assim congratulando-se com os empreendedores, desejou a todos extensivamente a toda equipe de trabalho, muito sucesso na nova Casa. E, em nome da comunidade de Panambi, externou cumprimentos, e o desejo de que os frutos da serenidade , confiança e trabalho se cumpram em todas as diretrizes traçadas. Ante o exposto e atendidas as formalidades regimentais Gustavo Cavalheiro solicitou para constar da Ata da Sessão Ordinária do dia 05 de agosto de 2019 esta MOÇÃO DE CONGRATULAÇÕES. Assessoria do Vereador

Matéria publicacada em 10/08/2019
COMPARTILHE ESTA PÁGINA
» Arquivo de Notícias
O panambinews.com é totalmente contrário a prática de cópias não autorizadas de conteúdo, matérias e fotos ( violação de direitos autorais ) e também não autoriza a reprodução de seu conteúdo em outros sites, portais ou ainda em mídia impressa, a não ser sob autorização escrita e certificada. Podendo apenas compartilhar nas redes socias preservando as informações, links e créditos originais.