»Geral - Panambi News

Soja: condição do solo é o diferencial nos casos de escassez hídrica

O baixo índice de precipitações pluviométricas e as altas temperaturas registradas nos últimos dias no Rio Grande do Sul evidenciam possíveis prejuízos na produção da soja, para Safra 2019/2020. De acordo com o responsável técnico da Strobel Sementes, Thiago Strobel, apesar da resistência da soja ao estresse hídrico, a situação é preocupante e podem ocorrer perdas significativas, principalmente nas lavouras mais precoces. “As condições climáticas atuais, de modo geral, impedem a boa desenvoltura da cultura, causando um atraso no crescimento das plantas, como o engalhamento, que dá a estrutura para a origem dos grãos”, salienta.

Conforme Thiago, a grande maioria das lavouras de soja na região, estão entrando no estágio reprodutivo. “As consequências da falta de umidade vão depender muito da estrutura do solo, e da qualidade da cobertura. Nos solos mais preparados os danos serão menores”, orienta Thiago.

Segundo ele, também é importante o produtor ficar atento à incidência das pragas. “A planta já está estressada, temos que trabalhar para que outros fatores não interfiram”, analisa o engenheiro agrônomo.Por-Equipe Marra Comunicação

 

 

Matéria publicacada em 07/01/2020
COMPARTILHE ESTA PÁGINA
» Arquivo de Notícias
O panambinews.com é totalmente contrário a prática de cópias não autorizadas de conteúdo, matérias e fotos ( violação de direitos autorais ) e também não autoriza a reprodução de seu conteúdo em outros sites, portais ou ainda em mídia impressa, a não ser sob autorização escrita e certificada. Podendo apenas compartilhar nas redes socias preservando as informações, links e créditos originais.