»Geral - Panambi News

Progressistas se mobilizam para eleições

Estiveram reunidos no último dia 13 alguns membros da executiva do partido, a fim de deliberar sobre as próximas eleições municipais. Em razão das regras estabelecidas no combate à pandemia, a reunião contou apenas com alguns membros da executiva municipal, entre os quais o presidente do Partido José Luiz de Mello Almeida, ex-vereador Martin Zachow, vereador Leandro Almeida, Gilmar Gai vice-presidente, e os conselheiros Daniel Carvalho Santos e Nadir Martini. Além de assuntos diversos a pauta da reunião debateu a possibilidade do Partido participar de uma coligação com uma aliança composta de partidos de oposição a atual administração e da atualização e confirmação da relação dos pré-candidatos aos cargos de vereador pelo partido progressista. Entendem os progressistas, que em razão da pandemia e da desaceleração da economia, a futura administração deverá passar por medidas de ajustes e contenções com a implantação de várias medidas administrativas com redução de secretarias e cargos comissionados, revisão de locações de imóveis, viagens desnecessárias, pagamentos de diárias, e outras despesas correntes que podem ser evitadas em tempos de dificuldade e diminuição de receitas, posto que existe a necessidade do Município retomar um estado de desenvolvimento sustentável pós pandemia. Ficou evidente nas discussões que os conselhos e as manifestações que defendia o ex-prefeito Miguel no sentido de não endividar o Município , além de suas necessidades mais urgentes, como medidas de precauções a fim de evitar imprevistos naturais e de força maior, de qualquer espécie, inclusive como casos de saúde como o presente coronavirus. O certo é que a dívida feita pela atual administração de mais de 30 milhões de reais terão efeitos negativos nos próximos exercícios visto que os descontos pelo credor nas receitas obrigatórias de retorno do icms serão automáticas, o que poderá comprometer o pagamento dos demais encargos e despesas públicas, inclusive os próprios salários do funcionalismo. Assim o desafio da próxima administração, portanto, não será fácil e sacrifícios deverão ser feitos para suportar a herança dos gastos da atual administração, não se admitindo nomeação de amadores nas secretarias municipais e ocupação de pessoas experientes e qualificadas nos próprios cargos de prefeito e vice-prefeito. O partido progressista através da sua executiva e diretório municipal, tão logo seja possível reunir seus membros, deverá de forma livre e democrática tomar a melhor decisão na escolha de seus candidatos a chapa majoritária, ou caso se confirmar a sua participação numa coligação com os demais partidos de oposição a atual a Administração, desde que estes princípios e sua ideologia sejam preservados. Os progressistas estão indicando como pré-candidato a prefeito o ex-vice prefeito José Luiz de Mello Almeida e há dois nomes de seu quadro para o cargo de vice prefeito. Ficou decidido que o presidente participará de reuniões com os demais partido de oposição para viabilizar a referida coligação bem como para definir eventual composição da chapa majoritária de oposição, o que deverá ser definido até fim de maio. por-assessoria do Partido Progressistas

Matéria publicacada em 26/05/2020
COMPARTILHE ESTA PÁGINA
» Arquivo de Notícias
O panambinews.com é totalmente contrário a prática de cópias não autorizadas de conteúdo, matérias e fotos ( violação de direitos autorais ) e também não autoriza a reprodução de seu conteúdo em outros sites, portais ou ainda em mídia impressa, a não ser sob autorização escrita e certificada. Podendo apenas compartilhar nas redes socias preservando as informações, links e créditos originais.