»Geral - Panambi News

Polícia Civil e Brigada Militar realizam operação " La Catedral " em Cruz Alta nesta madrugada de domingo

Helicóptero da Polícia Civil foi utilizado

No Dia 13/02 terça feira ocorreu um tumulto no Presídio Estadual de Cruz Alta, onde 02 grupos se enfrentaram, em disputa pelo controle da casa prisional, resultando na morte do apenado J. L. G., vulgo "sapão".

De um lado, P. M. M. A., vulgo "tartaruga", do Bairro Progresso, em disputa com G. R. G, vulgo "mulinha", da Cohab.

O preso de alcunha Tartaruga teria chamado o preso G. para supostamente negociar um acordo de paz, que seria uma armadilha para matar este último. Como o plano desse deu errado, este mandou "sapão" agredir e/ou matar o preso L. G. R., de alcunha "lulu", irmão de G., dando início ao conflito.

Nesse enfrentamento os "seguranças" de "lulu" mataram "sapão" e feriram outros dois do "grupo da Progresso".

Diante disso, 14 presos foram transferidos pela Susepe, dentre eles os acima citados.

AGENTES PENITENCIÁRIOS SOFRERAM AMEAÇAS

A partir daí os agentes penitenciários começaram a receber severas ameaças de morte, via telefone e por interpostas pessoas. Até um veículo parou em frente à casa prisional durante a madrugada, esta semana, onde indivíduos gritaram "os agentes vão morrer". As ameaças são mais intensas contra um casal de agentes penitenciários, extensivas à família destes.

Preliminarmente apurou-se que tais ameaças partem do grupo dos "tartarugas", uma vez que o descontentamento destes com a administração penitenciária é conhecida, pois esta tem barrado a vinda de dois irmãos de P. M. M. A. que estão presos em outros presídios.


A OPERAÇÃO

Essas circunstâncias precipitaram a realização, pela 1ª DP Cruz Alta, de operação policial que vinha sendo planejada há algum tempo, a fim de reprimir a ação criminosa dos "tartarugas".

Assim, o Delegado Josuel Muniz representou pela expedição de mandados de busca em 32 (trinta e dois) domicílios situados no Bairro Progresso e arredores, nas casas dos familiares e cúmplices do grupo criminoso. Tal ação policial foi desencadeada neste domingo, 18/02, às 05h30min.

Foram utilizados 93 policiais civis com 31 VTRs de várias regiões policiais , 27 policiais militares com 9 VTRs.

Houve apoio aéreo da PC/RS. A SUSEPE auxiliará no transporte dos presos para a Modulada de Ijuí, local onde serão levados os eventuais presos decorrentes dessa operação. Foram apreendidas várias armas de fogo, munição, dronnes, veículo furtado...entre outros objetos.

15 PESSOAS FORAM PRESAS.

Às 10h da manhã teve uma coletiva de imprensa

Com informações e fotos da Polícia Civil./ Amauri Rodrigues


 

Matéria publicacada em 18/02/2018
COMPARTILHE ESTA PÁGINA
» Arquivo de Notícias
O panambinews.com é totalmente contrário a prática de cópias não autorizadas de conteúdo, matérias e fotos ( violação de direitos autorais ) e também não autoriza a reprodução de seu conteúdo em outros sites, portais ou ainda em mídia impressa, a não ser sob autorização escrita e certificada. Podendo apenas compartilhar nas redes socias preservando as informações, links e créditos originais.