»Geral - Panambi News

Amauri convocado para a seleção brasileira de handebol de cadeirantes

O atleta panambiense Amauri Buratti, 39 anos, foi convocado para a seleção brasileira de handebol de cadeirantes. Amauri, integrante da equipe da ICD (pronuncia-se Icéde), de Balneário Camboriú, Santa Catarina.

A convocação não é definitiva, mas dá oportunidade ao atleta de tentar garantir sua vaga para competições internacionais, como o Para Pan (que provavelmente acontecerá na Colômbia) e o Mundial.

Amarildo destacou-se, durante anos, como jogador de basquete de uma equipe de Carazinho. O encerramento das atividades desse time foi seguido de uma oportunidade no clube handebol de Camboriú, o que deu destaque estadual e nacional a Amauri, o que resultou na sua convocação. Ele explica que o seu papel fundamental tem sido a marcação, tentando dificultar a saída de bola dos adversários, bem como armar as jogadas ofensivas do seu próprio time, com vistas a deixar os arremessadores em condições de fazer o gol.

Apoio da família fez a diferença

Entre os desafios atuais, estão a permanência na seleção e a busca por patrocínio, o que seus companheiros da ICD têm, enquanto que o Amauri tem que dar conta de suas despesas, em torno de R$ 1 mil mensais, com seu próprio dinheiro.

Em entrevista à Rádio Sorriso FM, nesta quinta-feira, dia 13, Amauri fez questão de dizer que a sua família foi fundamental como suporte e base para o seu sucesso no esporte. Ele agradeceu, também, o apoio dos professores Alencar Dill e Mario Dessbesell, do Departamento de Esportes do Município. Amauri veio acompanhado do pai, Pedro Albino Buratti.

Uma nova vida através do esporte

Amauri é cadeirante há 10 anos, após um acidente de trânsito. Ele revelou que os primeiros tempos depois do acidente foram muito difíciceis, mas acrescenta que “demorei um pouco para acordar, e ganhei uma nova vida após o acidente ao qual eu sobrevivi, mas eu só fui viver esta nova vida depois que eu conheci o esporte”. Ele destacou especialmente as palavras “liberdade”, “entrega”, “amor” e “família”.

Amauri utiliza a sua própria cadeira de rodas nos jogos, uma situação radicalmente diferente a outros esportes, que recebem enormes quantias de dinheiro público e com atletas e treinadores com salários milionários.Sorriso FM

 

Matéria publicacada em 01/01/2019
COMPARTILHE ESTA PÁGINA
» Arquivo de Notícias
O panambinews.com é totalmente contrário a prática de cópias não autorizadas de conteúdo, matérias e fotos ( violação de direitos autorais ) e também não autoriza a reprodução de seu conteúdo em outros sites, portais ou ainda em mídia impressa, a não ser sob autorização escrita e certificada. Podendo apenas compartilhar nas redes socias preservando as informações, links e créditos originais.